atendimento calendario especialistas especificacao foco instaladores materiais ph_phone ph_title_graph_left ph_title_graph_right produtos

Pratos Panela Candanga

21 de outubro por Equipe Panela Candanga

Vamos colocar Brasília no mapa!

Brasília é grande ponto de encontro nacional. Localizada no meio do nada e, ao mesmo tempo, no centro de tudo, a cidade recebeu imigrantes de praticamente todas as regiões do país para sua construção. Isso deixou marcado em seu DNA a mistura de culturas.

A presença e trânsito constante dos candangos criaram uma impressão de que aqui não temos característica ou costumes próprios. Mas Brasília já possui mais de uma geração de brasilienses e a maioria da população é nascida aqui no quadradinho.

Será que já não está na hora de mostrar para o país o que Brasília tem? Os chefs Mara Alcamim e Gil Guimarães acham que sim, e nada mais delicioso do que começar pela gastronomia.

O Cerrado possui muito mais iguarias do que o conhecido pequi, o que marcava a culinária local até então. A região é riquíssima e oferece um leque de opções desconhecidas até por seus próprios moradores. Você conhece o cajuzinho do cerrado? E o maracujá pérola? Cagaita, baru, jatobá, murici, mama-cadela… Há muito o que se explorar por aqui.

Por isso, Mara e Gil decidiram, com o projeto Panela Candanga, descobrir e redescobrir o papel de Brasília na panela de sabores nacionais e colocar Brasília no mapa. Para isso, eles partiram numa verdadeira expedição pelo Cerrado, visitando feiras, conversando com produtores locais, conhecendo produtos que resgatam a forma simples de comer e, o mais importante, dando importância às características do nosso bioma.

“Nossa gastronomia está muito no início, mas está muito claro pra mim que é impossível construí-la sem olhar pro bioma cerrado. Pela nossa característica inicial, nossa culinária será cosmopolita, pois somos a capital de várias culturas, como os indígenas, quilombolas, nordestinos, mineiros e até vários países, mas, temos como pano de fundo o bioma cerrado. Nossa gastronomia é forte de sabor é a gastronomia do sol”, comenta Gil Guimarães.

O Panela Candanga também tem o objetivo de aproximar os brasilienses da suas, agora, raízes, e nisso, Mara e Gil não estão sozinhos. Os restaurantes Universal, Baco e o tradicional Dom Francisco, estão procurando sempre oferecer pratos idealizados com ingredientes aqui do nosso quadrado.

A ideia é apresentar, através da gastronomia, uma Brasília que seu povo ainda não conhece. Mostrar com sabores o que há por trás de cada prato, qual a história de tudo aquilo que chega à nossa mesa e como isso representa a cultura local. O movimento vai mostrar que Brasília também coloca ingredientes nessa panela candanga.

 

Remodal